terça-feira, 23, julho, 2024

adm.portalatualizado@gmail.com
(92)98474-9643

Search
Close this search box.

Ex de jovem atacada com soda cáustica arquitetou plano da prisão

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) denunciou Marlon Ferreira Neves, ex-namorado da jovem Isabelly Aparecida Ferreira Moro, como mandante do crime. A jovem foi atacada com soda cáustica.

O MP afirmou que o homem teria sido o mandante do ataque, que aconteceu em maio, em Jacarezinho (PR). A jovem de 23 anos seguia para a academia quando foi atingida com a substância corrosiva e chegou a ficar internada em estado grave na unidade de terapia intensiva (UTI).

Segundo a denúncia do MP, dados do celular de Débora Custódio, de 22 anos, autora do ataque, indicam mensagens trocadas com o ex-companheiro da vítima. O homem está preso por ter cometido outros crimes, entre eles, roubo.

Débora está presa. Ela foi detida dois dias após o crime contra Isabelly. Dentre os indícios da trama do crime, há áudios armazenados no celular da mulher, citados na denúncia do MP.

Os advogados da acusada afirmam que ela teria sido coagida. O advogado do ex-namorado da vítima afirma que não há elementos que provem que ele agiu no crime. Ambos foram denunciados por tentativa de homicídio qualificado.

*Com informações do Metrópoles