sábado, 20, julho, 2024

adm.portalatualizado@gmail.com
(92)98474-9643

Search
Close this search box.

Homem é preso após estuprar filha de companheiro na Zona Norte de Manaus

Um homem de 23 anos foi preso em flagrante na terça-feira (19) pelo crime de estupro de vulnerável praticado contra uma criança de 10 anos, que é filha do companheiro dele. O crime ocorria na casa onde eles moravam no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus, desde que a vítima tinha 8 anos.

Conforme a delegada Joyce Coelho, as diligências iniciaram após a irmã mais velha da vítima procurar a delegacia no dia 28 de dezembro de 2023, e relatar que a criança estava sendo violentada sexualmente pelo suspeito, que possuía um relacionamento homoafetivo com o pai adotivo delas, de 52 anos.

“A criança contou para a irmã que há pelo menos dois anos estava sendo violentada pelo suspeito, que inclusive mostrava mídias pornográficas para ela. A menina só teve condições de revelar os fatos para a irmã após o pai ser internado em decorrência do HIV/Aids. Isso causou uma preocupação ainda maior na comunicante”, detalhou a delegada.

Segundo a autoridade policial, com base no que foi relatado, as investigações iniciaram e a criança foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) onde passou por exames médicos periciais que constataram a cronicidade dos abusos sexuais, em decorrência do tempo que estavam sendo praticados.

Ela também foi levada ao Serviço de Atendimento às Vítimas de Violência Sexual (Savvis), para proceder a todos os exames e profilaxia medicamentosa contra gravidez ou Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

A delegada Joyce informou que as investigações apontaram que o infrator e o pai adotivo da vítima conviveram durante cinco anos na mesma casa, onde a menina era violentada. Durante escuta especial, ela relatou que chegou a contar para o pai, no entanto, não se sabe se ele não acreditou no relato ou apenas estava protegendo o companheiro.

“Depois de o pai ser internado, a vítima passou a morar com a irmã. Após o pai saber sobre a denúncia e ter alta do hospital, ele fugiu e não se sabe o paradeiro, mas ele também responderá pelo crime”, contou a titular da Depca.

O homem é pai adotivo de quatro pessoas, sendo a mais velha de 20, um adolescente de 15, a criança de 10 e outro menino de 4 anos, na prática conhecida como adoção à brasileira.

“O autor do crime já possui passagem pela polícia por tráfico de drogas e respondia ao processo em liberdade. Depois que saiu da convivência da família estava sem endereço fixo, e trabalhava em um barco na região da Feira Manaus Moderna, bairro Centro, onde foi localizado e preso”, relatou.

Ao ser interrogado, ele confirmou conviver na casa e conhecer a criança, mas negou que tenha cometido o crime, mas os exames periciais confirmaram os abusos.

Ele responderá por estupro de vulnerável e ficará à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria