quarta-feira, 17, julho, 2024

adm.portalatualizado@gmail.com
(92)98474-9643

Search
Close this search box.

Nacional vence Rio Negro e avança ao mata-mata do primeiro turno do Barezão

O Nacional levou a melhor no Rio-Nal. O Leão da Vila Municipal venceu o Rio Negro por 1 a 0, nesta terça-feira (6), no estádio Ismael Benigno, a Colina, e deu fim a uma sequência de quatro empates consecutivos no Barezão 2024. O resultado garantiu classificação para as quartas de final do primeiro turno do Estadual. Ceará, ainda na primeira etapa, fez o gol da primeira vitória azulina na atual temporada.

Com a vitória, o Nacional chegou aos sete pontos, e agora seca os rivais para fechar a fase de grupos na vice-liderança do grupo B. Classificado, o Leão agora aguarda a definição do seu adversário nas quartas de final deste primeiro turno. Já o Rio Negro está eliminado, com dois pontos, na lanterna do grupo A e agora terá que aguardar o início do segundo turno, em março.

Ao final do duelo, o atacante Igor Quadrado, do Nacional, e que tem atuado como lateral, foi eleito o “Caboco do Jogo”, premiação oferecida pela Federação Amazonense de Futebol (FAF) ao melhor jogador da partida, por meio de votos de três profissionais de imprensa presentes na partida.

O jogo

Com as equipes em busca da primeira vitória na competição, a primeira chance de gol veio ainda no primeiro minuto de jogo. Ivanzinho lançou para Denilson, que do lado direito da área, deixou a marcação para trás e mandou na direção do gol, mas Nikael Fernandes fez a defesa. Com mais posse de bola, o Nacional seguiu pressionando em busca do primeiro gol.

Porém, o Rio Negro respondeu e quase abriu o placar, aos sete minutos. Wilha avançou pela direita e rolou para Ximenes, que bateu cruzado, com perigo, para fora. O Leão respondeu já aos 36, quando William Salvino recebeu lançamento pela direita, deu um lençol no marcador e rolou para Rogério, que livre dentro da área, pegou muito embaixo da bola e mandou por cima do gol. 

E aos 45 minutos, nova chance clara desperdiçada pelo Naça. Denilson avançou em velocidade pela direita e cruzou na segunda trave, onde Rogério dominou e ajeitou para Ceará, que finalizou, mas a defesa bloqueou e no rebote, Salvino chutou colocado para fora.

E de tanto insistir, aos 48, a equipe azulina finalmente abriu o placar. Igor Pupinksi recebeu lançamento pela direita e cruzou para Ceará, que na segunda trave, completou de cabeça para o fundo do gol.

Após o intervalo, o Leão seguiu em cima e chegou logo aos dois minutos de jogo. Depois de uma jogada de Denilson pela direita, Rogério fez o corta-luz, Salvino dominou dentro da área, finalizou com desvio e a bola foi para fora. Aos 16, foi a vez de Salvino pelo lado esquerdo da área, cortar para o meio e finalizar por cima do gol de Fernandes.

Aos 28 minutos, Salvino recuperou a bola pela esquerda, invadiu a área e mandou na direção do gol e o goleiro do Galo fez a defesa, no rebote, Denilson completou para fora, mas já estava impedido. Já aos 48, uma rara chegada do Rio Negro. Gabriel Marreta recebeu pela esquerda, arrastou para o meio e finalizou de fora, mas João Vitor fez a defesa.