sábado, 20, julho, 2024

adm.portalatualizado@gmail.com
(92)98474-9643

Search
Close this search box.

Lula recebe Lira e Haddad para almoço fora da agenda no Planalto

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu, nesta quarta-feira (13/12), durante o horário do almoço, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, no Palácio do Planalto.

A reunião-almoço não constava na agenda oficial das autoridades, e ocorreu pouco antes de o chefe do Executivo embarcar para o Rio de Janeiro, onde ele participa de evento militar durante a tarde. O encontro também aconteceu enquanto Flávio Dino e Paulo Gonet são sabatinados no Senado para as cadeiras de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e procurador-geral da República, respectivamente.

Mais cedo, Lira se encontrou com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), na residência oficial do senador, em Brasília, para discutir a reforma tributária, como mostrado pela coluna de Igor Gadelha, no Metrópoles.

Negociação da reforma tributária

Segundo aliados, os presidentes da Câmara e do Senado negociam pontos da PEC que têm consenso entre as duas Casas para serem promulgados de forma separada ainda em 2023, deixando para 2024 artigos sem acordo.

A PEC foi aprovada pela Câmara em julho deste ano. Os senadores, porém, fizeram alterações no texto durante a votação no Senado, em novembro, o que obrigou a proposta a voltar para uma nova análise dos deputados.

Como se trata de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), o texto só pode ser promulgado pela cúpula do Congresso Nacional se houver consenso entre Câmara e Senado.

O governo está confiante na promulgação da emenda constitucional ainda em 2023. Com informações de Metrópoles.