18/02/2020 (92) 98457-0069

Politica

Banner Governo 01

Coronel Alfredo Menezes Reúne com Presidente Jair Bolsonaro e Vice - Mourão para tratar de IPI dos concentrados

A alternativa já está nas mãos do presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido) que está analisando, segundo informou o coronel Alfredo Menezes

Por Jhenny Alves 04/02/2020 às 22:41:42

Reprodução

Um estudo feito pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), com o Ministério da Economia, com a Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, com a Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas não Alcoólicas (ABIR) e também outros envolvidos foi favorável à alíquota de 8% do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos concentrados. Assunto deve ser tratado em reunião nesta quarta-feira, 5/2.

A alternativa já está nas mãos do presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido) que está analisando, segundo informou o coronel Alfredo Menezes, superintendente da Suframa, após coletiva à imprensa na abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam).

"Ele não permitiu que essa alíquota decaísse ao longo do ano de 2019. Ela estava decaindo e ele manteve 10%. Agora ela tá em 4%, ele vai novamente fazer com que ela suba", defendeu

Menezes complementou: "o grande problema do IPI não é a alíquota, não é o percentual, é o reconhecimento desse IPI presumido, por parte da receita e isso nós estamos trabalhando", finalizou Menezes.

Wilson Lima informou que nesta quarta-feira, 5/2, coincidentemente ele, Menezes e Josué Neto estarão com agenda em Brasília e que vão tentar conversar com o presidente da república sobre os créditos tributários para o setor de bebidas da ZFM.

Fonte: Portal do Natan

comentários